Felipe Jucá

Paz e bem!

Textos

           Por que Nelson Gonçalves?


     1. Naqueles tempos, nas minhas madrugadas de cruéis dores-de-corno, eu e o Nelson Gonçalves sempre estivemos juntos.
     2. Com sua bela voz e suas canções apaixonadas, ele me ajudava a pegar no sono pensando nela... para um possível reencontro num sonho qualquer...
     3. Desde sempre, sou fã incondicional do Metralha. Ainda seminarista, entre um bendito e outro, eu encontrva uma brechinha para ouvir uma canção do Nelson.
     4. Tempos saudáveis dos discos 78 rotações e dos Long-plays; tempos bons das velhas vitrolas, fanhosas, mas sonorosas. Que saudade!
     5. Saí do seminário, e me joguei nos braços (ou no colo?) das mulheres... Qui gostosa novidade!!! Posso garantir, que não encontrei uma só que não "adorasse" as músicas do Nelson Gonçalves. 
     6. Fiz serestas e mais serestas, nas noites cálidas e silenciosas da querida Fortaleza, com o Nelson no gogó do seresteiro, que contratava.
     7. Aqui em Salvador, namorei uma jovem, moradora da cidade baixa. Essa menina tinha uma caligrafia encantadora. Gostava de ler seus bilhetes, até aqeles me condenando por conta do seu ciúme...
     8. Sabedora de que eu gostava do Nelson, deu-me de presente um caderninho com a letra de várias músicas do Metralha. Com o fim do namoro, dei fim ao caderno. Arrependo-me, até hoje.
     9. Por causa de sua gagueira, apelidaram-no de Metralha. Nelson Gonçalves, o Metralha. Mas nunca ninguém interpretou tão bem, por exemplo, o samba-canção "Negue", do Adelelino Moreira. 
     "Negue seu amor, o seu carinho/ Diga que você já me esqueceu/ Pise, machucando com jeitinho/ Este coração que ainda é seu" ... e segue a canção, que gosto muito. 
     10. Por falar em Adelino Moreira, quantas canções esse português compôs em parceria com o cantor Nelson Gonçalves. Dizem que mais de 100. 
     11. Há duas que, vez em quando, saio por aí assobiando. Não as canto, para não agredi-las com a voz de taboca que nasci com ela: "Fica comigo esta noite" e "Escultura". 
     - "Fica comigo esta noite/ E não te arrependerás/ La fora o frio é um açoite/ Calor aqui tu terás/ Terás meus beijos de amor/ Minhas carícias terás" ... e segue a canção, um canto de amor.
     12. Por que Nelson Gonçalves, se seu nome de batismo é Antônio Gonçalves Sobral? Digo porquê. Primeiro concordo com quem acha que o nome da Certidão do Metralha não seria um bom nome artístico.
     13. Nos áureos tempos da Rádio Nacional do Rio de Janeiro, uma cantora chamada Sônia Carvalho apaixonou-se pela vozerão vibrante do Nelson, que não surgia como um gago. 
     14. Mas fez estas observações: "Seu nome artístico não pode ser Antônio Gonçalves, não é sonoro. - Pensou um pouco : - Seu nome, agora, vai ser Nelson Gonçalves, certo?" E o Nelson, satisfeito, teria respondido: "Ce-ce-certo".
     15. E assim, como Nelson Gonçalves, o Antônio Gonçalves Sobral, triunfou. Subiu, sem tropeçar, no pódio dos excelentes e de lá nunca desceu. 
     16. Morto, há 22 anos - 18 de abril de 1998 - ele ressucita, todas as vezes que sua voz invade nossos ouvidos, nossos corações, ou ganha os céus do Brasil.      
Felipe Jucá
Enviado por Felipe Jucá em 13/04/2020
Alterado em 14/04/2020


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras